Artigos

Importância da comunicação para o sucesso da Estratégia

As organizações que optam em performar em seus segmentos por meio da gestão estratégica costumam experimentar três momentos distintos em seus primeiros anos de implementação do novo método de trabalho.

O início muitas vezes é marcado por uma forte desconfiança em relação a implementação de novas ferramentas no dia a dia, adoção de novos métodos de trabalho e mudança de prioridades.

Em um segundo momento também em muitas ocasiões ocorre o encantamento com o método e as novas ferramentas o que é plenamente natural uma vez que as ferramentas utilizadas são ótimos meios para desenvolver uma organização e consequentemente alcançar melhores e novos resultados. Após reunir a equipe, debater calorosamente sobre o futuro almejado e desenvolver os planos para se chegar a esse futuro, chega a hora da ação.

Por meio de um planejamento estratégico bem elaborado desdobrado em programas de ação robustos as equipes começam o ciclo anual, energizadas e conscientes dos desafios. Ocorre que após o período inicial em muitas organizações ocorre o terceiro e mais perigoso momento, em que nível de engajamento com a gestão estratégica diminui e os desafios estratégicos anuais vão pouco a pouco perdendo a importância na agenda dos líderes e colaboradores.

Alguns dos fatores que contribuem para esses momentos de queda do engajamento dos colaboradores frente aos desafios estratégicos são: Falta de comprometimento da direção, falta de ligação entre os desafios estratégicos e a remuneração variável de cada colaborador, falta de reuniões de acompanhamentos dos planos de ação, comunicação ineficaz dos objetivos estratégicos entre outros fatores.

A comunicação tem o papel de manter vivos os desafios estratégicos nas mentes dos colaboradores por meio de um arsenal de ferramentas tais como: cartazes, panfletos, site, eventos para apresentação do planejamento e desempenho frente aos desafios estratégicos, disseminação de cases de projetos estratégicos entre outros. Cada colaborador precisa ter a noção clara de que o planejamento e a gestão da estratégia têm influencia e são influenciados pelo desempenho de cada funcionário e essa noção só pode ser mantida por meio de uma comunicação eficaz.

Quando os colaboradores percebem a ligação entre a estratégia e desempenho individual com os resultados da organização e partilham desse resultado por meio da remuneração variável, cresce naturalmente o engajamento e a vontade de elevar ainda mais o seu próprio desempenho no atual e futuros ciclos estratégicos, eleva-se dessa maneira os resultados da organização como um todo.

 

Por João Paulo Schaeppi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *